Sala de Imprensa

Releases

27.08.2015

Toyota APA Costa dos Corais inicia mais uma ação para fortalecer turismo sustentável na região

Projeto Jangadeiros da Rota Ecológica vai capacitar 40 profissionais para atender turistas em áreas de visitação

Melhorar a qualidade no atendimento aos turistas, gerar renda e aumentar a conscientização ambiental são os principais objetivos da iniciativa Jangadeiros da Rota Ecológica. A ação será desenvolvida por meio do projeto Toyota APA Costa dos Corais pelo Instituto Yandê com apoio da Fundação Toyota do Brasil. O objetivo da atividade é capacitar mais de 40 jangadeiros dos municípios alagoanos de Porto de Pedras, São Miguel dos Milagres e Passo de Camaragibe, para atender os turistas que visitam as áreas diariamente.

O projeto Jangadeiros da Rota Ecológica será realizado em um período de dez meses e contará com palestras e oficinas, que irão disseminar informações sobre os ecossistemas da região como recifes de coral, estuários, manguezais, praias e mata atlântica. O objetivo é que esses profissionais sensibilizem os visitantes sobre a necessidade da conservação dos ambientes, fortalecendo o turismo sustentável e desenvolvendo de forma regrada as atividades econômicas nas áreas de visitação da APA Costa dos Corais.

O seminário de abertura do projeto aconteceu na última semana na Biblioteca de São Miguel dos Milagres, em Alagoas, e contou com a presença dos jangadeiros de base comunitária e parceiros do Toyota APA Costa dos Corais. O primeiro curso está previsto para acontecer ainda em setembro.

Toyota APA Costa dos Corais

Realizado no Nordeste brasileiro, em oito municípios de Alagoas e três em Pernambuco, o projeto Toyota APA Costa dos Corais é uma parceria entre a Fundação Toyota do Brasil, Fundação SOS Mata Atlântica, ICMBio e entidades locais. A ação tem como prioridades a conservação dos recifes de corais, proteção das áreas de manguezais e o desenvolvimento de negócios sustentáveis ligados à pesca e ao turismo responsáveis dentro da Área de Proteção Ambiental (APA) Costa dos Corais, um dos ambientes recifais mais importantes do mundo.

Também faz parte da ação a preservação do habitat e dos ecossistemas associados ao peixe-boi marinho, que de acordo com recente levantamento divulgado pelo Ministério do Meio Ambiente (MMA), deixou de constar na categoria Criticamente em Perigo (CR) e passou para a Em Perigo (EN), classificação intermediária da lista brasileira de animais ameaçados de extinção. A iniciativa trabalha agora para que a espécie passe para a categoria Vulnerável (VU) até que haja a recuperação total da espécie, sendo retirada do documento brasileiro.

Como característica das iniciativas de desenvolvimento sustentável, foi criado um fundo, administrado pela Fundação SOS Mata Atlântica, para que o projeto seja autossustentável em um período de dez anos. No total, são mais de 413 mil hectares de área protegida na Toyota APA Costa dos Corais. E para que cumpra sua meta, o fundo só poderá ser utilizado após adquirir capacidade de gerar, com seu próprio rendimento, os recursos necessários para a manutenção das atividades de gestão da área previstas no plano de trabalho do projeto.

Para entrar em contato com a Fundação Toyota do Brasil, envie uma mensagem para: contato@fundacaotoyotadobrasil.org.br

ESTATUTO DA FUNDAÇÃO

PARCEIROS